O Conceito de Hipnose Por 2 Famosos Hipnólogos

Para ser uma nova pessoa, para conquistar mais resultados e realizações tanto na vida pessoal como na profissional é necessário desenvolver, antes de qualquer coisa, o auto-amor, auto-respeito, auto-confiança, a auto-alegria, ou seja, uma personalidade madura.

Maturidade implica em muitas coisas.

Representa uma vida balanceada, sabedoria, inteligência, autoridade moral, caráter, bondade, viver pelos valores fortes, habilidade de viver e conviver com pessoas, gratidão por estar vivo, coragem de encarar a realidade e superar adversidade, desejo de crescer e servir a outros, e acreditar na bondade e na perfeição da vida.

Com certeza, a pessoa que exercer esses pressupostos acima se sentirá permanentemente na sensação de “Todo Poderoso”.

Seu futuro está diretamente relacionado com seu ser interior – da maneira que você pensa sobre você mesmo.

Você não pode esperar que a auto-hipnose faça coisas maravilhosas para você a menos que você desenvolva o seu ser interior. A realização desta primeira meta permitirá a conquista de outras metas ainda mais importantes.


Olimar Tesser relembra Jeffrei Zeig e afirma: 

– Podemos definir hipnose como sendo primariamente um estado muito focado de consciência, um estado de consciência no qual você pode focalizar apenas aquilo que é imediatamente relevante, e, neste estado de consciência, no qual você presta atenção agora naquilo que é imediatamente relevante, você é capaz de capturar idéias e examinar estas idéias pelo seu valor intrínseco  Você dá poder a estas idéias e coloca em jogo alguns aprendizados.

 

Tesser ainda complementa:

– É um estado alterado de consciência que permite o indivíduo acessar memórias e emoções guardadas no inconsciente. Também deixa o paciente mais receptivo a sugestões de mudança de comportamento.

Curso de Hipnose Prática – 2011

 

__
FONTE: Material de treinamento Núcleo Tesser (Adaptado)