Indução por Respiração – Guia Completo

A indução por respiração é uma técnica muito simples e prática de fazer. Simplesmente porque TODOS sabem respirar e não vem dificuldade em executar, também porque você não precisa lidar TANTO com a imaginação do cliente, tão somente com memórias e percepções dos sentidos.

Se você quer saber tudo sobre como aprimorar esta técnica, você pode clicar aqui e conhecer o curso 67 Estratégias da Hipnose Conversacional, que lhe ensinará do básico ao avançado como hipnotizar qualquer pessoa conversando. 

Nas minhas formações em Hipnose, Yoga, PNL percebi que a respiração é um dos fatores principais para o desenvolvimento humano, pois se você sabe respirar, pode controlar inúmeros processos conscientes e inconscientes.

Um exemplo disso é quando estamos nervosos, a respiração fica ofegante, dá uma pequena falta de ar.. até que alguém chega e fala… CALMA… RESPIRA….e então…. tudo vai se acalmando.

Faço questão de ensinar para meus clientes a respirar e muitos olham com cara de “- Ué, eu respirei a vida inteira.. como não sei respirar?”…. respirar por respirar, e respirar corretamente de acordo com o seu objetivo são duas coisas diferentes. Através da respiração em conjunto com um guia (Hipnólogo), podemos acessar recursos internos no mais profundo inconsciente.por meio de uma indução por respiração.

A técnica que estou passando uso muito,  ao mesmo tempo que é tranquila e relaxante, é perceptível para o cliente ou para a pessoa a ser hipnotizada, o estado de transe, e como é uma indução por respiração, a certeza de dar certo é próxima dos 100%..

Guia Prático de Indução Por Respiração:

1) Peça para o cliente sentar-se em posição confortável, e convide-o a inspirar o ar pelo nariz lentamente – enquanto ele estiver inspirando o ar, conte 1,2,3,4.. até 10;

2) Peça para ele soltar o ar enquanto você conta ate´10 novamente;

3) Peça para respirar novamente e ao encher o pulmão para ele prender (e novamente conte 1,2,3,4 até 10), e tranquilamente peça para soltar o ar pela boca (1,2,3,4 até 10);

4) Repita novamente o processo do ITEM 3, e a medida que o processo se repete vá diminuindo o tom da sua voz, deixando sutil, até que fique quase imperceptível..

5) A partir dai é só seguir para o aprofundamento…

Lembre-se de sempre de dizer “isso… muito bem…” e de não falar em um tom robótico.

Pareça natural e sedutor ao seu cliente.

*Se ensinar o cliente a usar o abdômen na respiração, e usar a metáfora “enchendo como um balão e esvaziando” garanto um transe profundo nessa indução por respiração.